A gente sabe que tá ficando velha e/ou tá bem fora de forma quando faz dois exercícios aparentemente inofensivos na aula de pilates e no dia seguinte não consegue sentar sem parecer a velha da Praça é Nossa. Cruzar as pernas então, missão impossível.